Sebo Capricho

Parcelas até 12x no cartão

Entregas para todo o Brasil

Entregas de Moto Táxi para Londrina

Whatsapp: (43) 991271035
(43) 3028-8581
BLOG

O maior acervo de livros usados do Paraná

Carrinho (0)
Busca Rápida:
Blog Sebo Capricho
Livros-reportagens: confira algumas opções de leitura
Toda Rede Comunicação
20 de Agosto de 2020
A literatura e o jornalismo flertam há bastante tempo. Desse encontro nasceu o jornalismo literário, um gênero que constantemente apresenta obras inesquecíveis, emprestando a narrativa da literatura para descrever fatos, bastidores, histórias vividas com o tom jornalístico. Porque nem tudo cabe em uma reportagem. Às vezes é preciso extrapolar as publicações jornalísticas e ganhar as páginas de um livro. 
 
Pelos livros-reportagens, por exemplo, é possível revisitar a Guerra de Canudos pelos textos de Euclides da Cunha em Os Sertões. Enviado para o interior da Bahia como correspondente do jornal O Estado de S. Paulo, o autor narra a repressão sofrida pelo bando da figura profética de Antônio Conselheiro, contextualiza o conflito e fala da formação do homem sertanejo. Os Sertões foi publicado em 1902 e é considerado o primeiro livro-reportagem do Brasil. 
 
Ou ainda, por esse gênero literário, é possível conhecer as histórias de um presídio, pela voz do médico Drauzio Varella. Em Estação Carandiru, ele relata seus dez anos de atendimento voluntário no que era o maior presídio do Brasil. Em 1992, a polícia entrou no presídio para conter uma rebelião. Na ocasião, mais de 100 detentos morreram. No livro, o autor apresenta os detentos não como criminosos, mas como humanos que são.
 
Outra obra que ganhou destaque mundial e é considerada uma das precursoras desse gênero literário é A Sangue Frio, de Truman Capote. Publicado na década de 1960, relata a história da morte de toda a família Clutter, no estado do Kansas, nos Estados Unidos, reconstitui a trajetória dos assassinos e em como o autor estabeleceu relações com suas fontes para conseguir contar essa história.
 
Da Bielorússia, a jornalista e escritora Svetlana Alekisiévitch, prêmio Nobel de literatura em 2015, apresenta textos únicos, produzidos a partir de entrevistas com homens e mulheres, em que aborda diversos acontecimentos. Um deles é “Vozes de Tchernóbil”, em que fala sobre a explosão na usina nuclear de Chernobil, na Ucrânia, ocorrida em abril de 1986.
 
A lista de bons livros-reportagens é grande. Para te ajudar nessa escolha, selecionamos alguns títulos que você encontra no site do Sebo Capricho. 
 
Os Sertões – Euclides da Cunha
 
Estação Carandiru – Drauzio Varella
 
Vozes de Tchernóbil - Svetlana Alekisiévitch
 
 
Corações sujos- Fernando Morais
 
A Sangue Frio – Truman Capote
 
Rota 66 – Caco Barcellos
 
Notícia de um sequestro – Gabriel García Márquez
 
report-art.jpeg
Créditos: Arte/Reprodução
Compartilhe:
Deixe um comentário