Sebo Capricho

Parcelas até 12x no cartão

Entregas para todo o Brasil

Entregas de Moto Táxi para Londrina

Whatsapp: (43) 991271035
(43) 3028-8581
BLOG

O maior acervo de livros usados do Paraná

Carrinho (0)
Busca Rápida:
Blog Sebo Capricho
Dicas para ler mais com Malu Consalter
Toda Rede
26 de Novembro de 2020

 

As redes sociais são uma fonte inesgotável de dicas e opiniões sobre diversos temas e uma verdadeira extensão digital da vida. Não por acaso, a mestranda em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maria Luiza Consalter, de 25 anos, começou a usar seu Instagram, também, para mostrar seu apreço e prazer pela leitura. Muito jovem, ela já acumula dezenas de títulos importantes em seu repertório e mostra que, mesmo com os hábitos do mundo digital, a literatura traz reflexão, inúmeras histórias e um caminho sem volta no universo das palavras. “Eu adoro a sensação de comprar um livro, folheá-lo e descobrir as surpresas escondidas nas suas páginas.”

 

Leitora assídua desde a infância, foi no início do isolamento social provocado pelo novo coronavírus que os livros ganharam ainda mais importância na rotina diária. “Meu início de quarentena foi um pouco conturbado, um período que acabou cobrando muito da minha saúde mental. Graças à rede de apoio que eu tenho, pude continuar meus estudos em casa e, no meu tempo livre, reencontrei nos livros um grande refúgio. Passei a trocar ideias com outros leitores e comecei a pensar em expandir um pouco mais essa troca”, diz ela, referindo-se ao uso do perfil @malu_consalter.

 

Reflexão pela literatura


Malu sabe  que sua realidade não reflete a grande maioria de jovens do país e reconhece o privilégio de ter nascido em uma família que sempre a incentivou a ler e que também tinha os recursos para fomentar o hábito. “Sei que muitos não têm o acesso ou uma família que os estimula a ler, debater e expor ideias. Por isso, resolvi levar o que eu estava aprendendo para as redes sociais, como uma forma de incentivar a reflexão por meio da leitura”, conta a jovem, acrescentando que seu pai e sua avó materna foram figuras marcantes neste sentido, já que a avó foi professora de literatura e em sua casa havia centenas de livros disponíveis para explorasse desde muito cedo. “Com o passar dos anos, este hábito se consolidou e acabou por se tornar um grande prazer.”

 

Malu Consalter.jpeg
Créditos: Divulgação

 

Dica


Como forma de estimular e incentivar que jovens busquem pela literatura, ela recomenda que o primeiro passo seja encontrar um assunto de afinidade, como um jogo, série ou filme, já que muitos são inspirados em livros publicados. “Assim, a pessoa vai poder mergulhar em uma história que conhece, mas de uma maneira diferente. Ao encontrar um livro que atraia, sente num cantinho, coloque um fone de ouvido (com ou sem música) e tente ler ao menos um pouquinho por dia.” E, ao contrário do que sê vê nas redes sociais, Malu encoraja que não haja cobrança para cumprir um número de páginas ou quantidades de livros num período. “Deixe que o livro vá envolvendo e que, aos poucos, vá ditando o ritmo da leitura. E, mais importante: não tenha medo dos livros, eles têm muito a proporcionar”, finaliza a jovem.

 

Àqueles que desejam ingressar no universo da literatura, Malu indica cinco títulos que, para ela, são fundamentais em qualquer lista. Os livros estão disponíveis no site do Sebo Capricho.

 

Memórias póstumas de Brás Cubas (Machado de Assis)

 

 A metamorfose (Franz Kafka)

 

A insustentável leveza do ser (Milan Kundera)

 

Mrs Dalloway (Virginia Woolf)

 

Olhos d’Água (Conceição Evaristo)


Compartilhe:
Deixe um comentário