Sebo Capricho

Parcelas até 12x no cartão

Entregas para todo o Brasil

Entregas de Moto Táxi para Londrina

Whatsapp: (43) 991271035
(43) 3028-8581
BLOG

O maior acervo de livros usados do Paraná

Carrinho (0)
Busca Rápida:
Blog Sebo Capricho
Dez livros para dar de presente no Dia das Mães
Toda Rede
06 de Maio de 2021

 

Qual o gênero literário preferido de sua mãe? Romance, mistério, livros inspiradores, poesia, narrativas históricas? Independentemente das preferências pessoais de cada uma, nós temos certeza que ela merece momentos de paz e tranquilidade para ler e se emocionar com um bom livro. Para ajudar a presentear as mães no dia delas, o Blog do Sebo Capricho fez uma lista com dez sugestões para agradar diferentes preferências literárias. 


1 - A febre do Amanhecer -Péter Gárdor


Uma história de amor que tem como protagonista o jovem húngaro Miklos, sobrevivente de um campo de concentração que, em julho de 1945, está  na Suécia para recuperar a saúde. Desenganado pelos médicos, ele se recusa a morrer em um hospital. Por isso, após descobrir o nome de 117 jovens húngaras que também se encontram em recuperação na Suécia, escreve uma carta a cada uma delas na expectativa de encontrar uma esposa. A jovem Lilli atende ao chamado e inicia assim uma correspondência divertida, inusitada e cheia de esperança. A história é baseada na vida dos pais do autor e promete fortes emoções. 


2 - Torto Arado - Itamar Vieira Junior


Vencedor do Prêmio Jabuti, esse livro está na lista dos mais vendidos há semanas. A história narra a trajetória das irmãs Bibiana e Belonísia, que após mexer em uma misteriosa mala da avó, envolvem-se em um acidente que as tornará dependentes uma da outra e  transformará suas vidas. A trama protagonizada por mulheres desvenda as desigualdades do Brasil e joga luz sobre personagens anônimas através do tempo. 


3 - A Princesa Salva a Si Mesma - Amanda Lovelace

“A princesa salva a si mesma” usa linguagem direta, em forma de poesia, para falar sobre resiliência e a escrita dos nossos próprios finais felizes. Em uma releitura de contos de fadas diante da realidade feminina contemporânea, fala de amor, perda, sofrimento, redenção, empoderamento e inspiração.


4 - Ciranda de Pedra - Lygia Fagundes Telles

Um clássico da literatura brasileira que não perde a atualidade. A história é contada sob o ponto de vista de uma menina que, após a separação dos pais - um casal de classe média - vai morar com a mãe, ao contrário de suas duas irmãs. Deslocada e solitária, ela revela as nuances de um romance cheio de loucura, traição e morte. 


mãe livros.jpg
Créditos: Photo by Priscilla Du Preez on Unsplash

 

5 - Meio Sol Amarelo - Chimamanda-Ngozi-Adichie

Essa emocionante história que se passa em meio à guerra civil na Nigéria fala de personagens diversos, como Ugwu, um garoto de aldeia que procura se ajustar a uma realidade em rápida transformação; Olanna, uma moça da alta sociedade que se torna professora universitária e vive com Odenigbo, que abraça a causa revolucionária, e o jornalista Richard, que se apaixona pela irmã de Olanna, Kainene. A trama retrata em detalhes a vida privada e pública da Nigéria neste período histórico conturbado do país. 


6 - A Coragem de Ser Imperfeito - Brene Brown

Esse best seller é baseado na palestra do autor sobre vulnerabilidade, medo, vergonha e imperfeição. Para ele, quando fugimos de emoções como medo, mágoa e decepção, também nos fechamos para o amor, a aceitação e a criatividade. É um ótimo presente para as mães que querem lidar melhor com erros e fracassos e entender que essas também são experiências marcantes na vida. 

 

7 - Anarquistas, Graças a Deus - Zélia Gattai

Zélia Gattai era casada com Jorge Amado, mas conquistou espaço único na literatura brasileira com sua escrita leve, porém profunda. “Anarquistas Graças a Deus é o primeiro livro de Zélia e conta a história da infância e da família. O pai dela era filho de uma família anarquista e veio para o Brasil com os pais, para fundar a Colônia Cecília (que ficava em Palmeira, no Paraná). Já a família da mãe veio da |Itália para substituir a mão de obra escrava. Foi com o encontro dos dois que se iniciou a história baseada nas memórias da menina Zélia, resultando em um livro leve e divertido. 



8 - A Casa dos Espíritos - Isabel Allende

Um dos maiores clássicos da latinoamericana, o livro revela a trajetória da turbulenta família Trueba, cujo patriarca é o latifundiário e senador Esteban Trueba. O romance desvenda a história chilena, entre 1905 e 1975, combinando magia e realidade em uma obra-prima do realismo fantástico. 


9 - Teto para Dois - Beth-Oleary

Tiffy sai do apartamento do ex-namorado e precisa de um lugar barato para morar. A solução encontrada é sublocar o apartamento de Leon, onde ele fica apenas no período da manhã e da tarde nos dias úteis, pois trabalha no turno da noite e passa os fins de semana na casa da namorada. Sem nunca terem se encontrado pessoalmente, Leon e Tiffy dividem a cama e passam a se comunicar por meio de post-its colados pela casa. 


10 - O Morro dos Ventos Uivantes- Emily Bronte

Ao voltar de uma viagem, o pai da família Earnshaw não traz consigo os presentes que os filhos lhe pediram — em vez disso, traz um garotinho perdido de pele escura, que encontrou vagando no porto. O menino ganha um nome — Heathcliff —, mas jamais um sobrenome, o primeiro dos atributos da família a que ele não terá acesso. Catherine é a única a acolhê-lo, e essa relação, repleta de amor, obsessão e vingança, atravessa gerações e não é detida nem mesmo pela morte.


Compartilhe:
Deixe um comentário