Sebo Capricho

Parcelas até 12x no cartão

Entregas para todo o Brasil

Entregas de Moto Táxi para Londrina

Whatsapp: (43) 991271035
(43) 3028-8581
BLOG

O maior acervo de livros usados do Paraná

Carrinho (0)
Busca Rápida:
Blog Sebo Capricho
6 livros para celebrar o Dia Internacional contra a Homofobia e a Transfobia
Toda Rede
15 de Maio de 2021

 

O Dia Internacional contra a Homofobia e a Transfobia é celebrado em 17 de maio. A data foi criada em 1990, para marcar a ocasião em que a homossexualidade foi retirada da classificação de doenças da Organização Mundial da Saúde (OMS).


 Mais que uma efeméride, é um dia para lembrar que a diversidade é positiva e que não há mais espaço no mundo para preconceito contra diferentes identidades de gênero e orientação sexual. 


A literatura apresenta, ao longo da história, produções relevantes de escritores e escritoras pertencentes à comunidade  LGBTQI+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais, Transgêneros e Travestis, Queer, Intersexo e outras identidades e manifestações de gênero e orientações sexuais). Marcel Proust, Oscar Wilde, Walt Whitman, Truman Capote, Virginia Woolf, Gertrude Stein, Rimbaud, Mishima, Jean Genet, Jean Cocteau, Elizabeth Bishop, Pasolini, Emily Dickson e até Platão são exemplos célebres de autores e autoras que destoam da norma heteronormativa. 


Para celebrar o Dia Internacional contra a Homofobia e a Transfobia, o Blog do Sebo Capricho preparou uma lista de 6 livros sobre a temática LGBTQI+. 


sharon-mccutcheon-xIMsHC_yGUE-unsplash.jpg
Créditos: Photo by Sharon McCutcheon on Unsplash

 

1- Me chame pelo seu nome - Andre Aciman

O livro conta a história de uma família italiana que recebe vizinhos, artistas e intelectuais de todos os lugares durante os verões. O filho do casal, Elio, se encanta por um americano que chega à residência. Espontâneo e atraente, ele passa uma temporada no local para trabalhar em seu manuscrito sobre Heráclito e ainda desfrutar do verão mediterrâneo.


2- A garota dinamarquesa - David Ebershoff

Inspirado na vida do pintor dinamarquês Einar Wegener e da sua esposa americana, o livro trata da temática da transexualidade e faz um retrato terno e comovente sobre um amor que desafia todos os limites. Adaptado para o cinema, alcançou grande sucesso. 


3 - Garoto encontra garoto - David Levithan

Esse romance LGBTQI trata, acima de tudo, de autoaceitação e aceitação familiar. Na trama, Paul - apaixonado por Noah - precisa ajudar seu melhor amigo a lidar com os pais que desaprovam sua orientação sexual. 


4- Giovanni - James Baldwin

Esse clássico é uma das mais importantes obras intelectual, ativista e escritor americano James Baldwin. Giovanni conta a história de um homem dividido entre um amor homossexual forte, porém trágico, e o amor aceito de uma mulher. O amor proibido é retratado com a elegância, a força e o talento de um dos mais importantes autores americanos da segunda metade do século XX.


5- Onde andará Dulce Veiga? - Caio Fernando Abreu

Quando um jornalista sai  à procura de Dulce Veiga, uma cantora de sucesso que desapareceu anos atrás, acaba obcecado pela filha de Dulce, uma cantora lésbica de uma banda punk. O livro parte da vida noturna paulistana para retratar o contexto da epidemia de AIDS na virada da década de 1980 pra 1990. O autor faleceu vitimado pela doença em 1996. 


6 - O beijo da mulher aranha - Manuel Puig

Manuel Puig é um dos fundadores da Frente de Libertação Homossexual na Argentina e escreveu esse livro no exílio, por causa da ditadura militar no país. O livro trata da história entre o preso político Valentin Arregui e Luis Molina, um homem gay amante do cinema e acusado de seduzir um menor de idade. Eles dividem uma cela na prisão durante a ditadura. 


Compartilhe:
Deixe um comentário